domingo, 17 de fevereiro de 2013

Diva Queen

Hoje a preta foi com o brasileiro à compras...

Cheguei a dizer que a preta namora com um brasileiro? Adoro a riqueza das relações multiculturais.

Continuando. Hoje a preta foi com o brasileiro às compras. Se a minha veia de diva-super-estrela com travo a dondoca já pulsa vigorosamente num dia vulgar, o conhecimento deste facto fez com que o meu lado de rainha do império colonial se sobrepusesse ao meu feitio já de si especial. Ordenei que me trouxessem exemplares de uma categoria de artigos da máxima importância para a minha existência. Os meus vassalos lá embarcaram nesta epopeia, devotos à minha pessoa e nervosos com a hipótese de falharem na missão, pelo que ainda me pediram para lhes telefonar e falar com a menina da loja sobre os tamanhos (estavam incrédulos com a magnitude do tamanho, talvez...), as cores e os modelos que eu queria. Uma maçada, ter que levantar a minha real peida do puff para chegar ao telemóvel e ainda gastar dinheiro com uma chamada, mas, coitados, via facebook, com fotos dos artigos e descrições escritas não estava a ser o suficiente para entenderem os meus desejos. Preferiram que eu falasse com uma profissional. Há que dar-lhes o mérito por reconhecerem as suas limitações. Hoje não vão dormir com os restantes. Hoje podem pernoitar aqui no palacete, no quarto dos fundos, claro. Até porque hoje vou trabalhar à noite e preciso de caseiros para me guardar a sede do império. Amanhã dou-lhes doces. Vão ficar contentes. Fofinhos.

Para aqueles que me acusam de distorcer as histórias para ficarem engraçadas, aqui estão provas:



E sim, o namorado da minha amiga foi comprar-me roupa interior. 
Eu sou uma rainha.

26 comentários:

  1. Fiquei-me pela magnitude do tamanho. Trouxe-me recordações à memória.

    R.

    ResponderEliminar
  2. Respostas
    1. Ela não achou assim tão lindo quando leu... ingrata!

      Eliminar
  3. Snail, preciso de te mandar um email relacionado com este post mas não sei para onde. Manda-me um a mim faxavor :)

    passionlyaddicted@gmail.com

    P.S. - Não, não te vou convidar para ilícitos e afins! :p

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ainda assim, fico com medo. Mas vou mandar o mail.

      Eliminar
    2. Não assustou assim tanto... Confere? :p

      Eliminar
  4. Lambisgóia. Querida.

    Ficam-te bem as comprinhas?

    ResponderEliminar
  5. Bem, se tiveres de trocar as coisas também não me parece que vás ter problemas... ahah ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mandava a vassalagem tratar disso, mas conseguiram acertar em tudo! ;)

      Eliminar
  6. Como protagonista nesta aventura, sim, eu sou "o brasileiro" e "namorado da preta", devo dizer que comprar o dito utensílio tem os seus obstáculos... Primeiro é o tamanho, aprendam mulheres, nós homens não temos nenhuma fita métrica nas mãos, o nosso forte é apalpar e não medir. Depois vem a questão das almofadas, almofadado ou sem almofada... epah a sério? Olhem se eu agora fosse comprar boxer's e perguntassem se eu queria com ou sem almofada?! E depois vem a questão do número, bem o mundo das mulheres não tem lógica nenhuma, elas vivem num mundo paralelo... Desde quando que o nº 32 é sinónimo de peitos grandes??? Haaaa pois é, a diferença está no "c", nº 32 C pelos vistos é sinónimo de grande pra "C#$#$#$". Depois a minha preta diz que não lhe compro lingerie, bem, se um simples suporte para as mamas já dá trabalho, eu imagino lingerie... Enfim, para além de ter tido permissão da diva para dormir no palacete, aprendi que o iphone é uma ótima ferramenta para ir as compras, que as tangerinas da lambisgóia são ótimas pós-sexo e que fumar a mesma marca de tabaco que a patroinha é muuuitooo bom...

    ResponderEliminar
  7. Ahahahahah!!!!!!! Vassalo!!! Só pela ousadia, terás caganeira diluviana pela overdose de tangerinas, tal com a tua preta teve!!!! Há bolo, passa aqui amanhã. ;)

    ResponderEliminar
  8. Eu nem sei o que dizer: Se te mando pro caralho mais longe e depois para o tronco para seres chicoteada que nem as "Sinhás" eram tratadas durante uma revolta dos negros ou se te corto a gadelha durante o sono ( e sabes bem que tens um sono tão pesado que me permite fazê-lo na boa). A 1º opção está fora de questão pq até no meio de tanta dor sei que irias sentir prazer. Portanto o que desejo é que no teu próximo coma acordes ao lado de um anão obeso com o teu soutien vestido nele. Hás de cá vir aldina leiteira do gueto. Em relação ao senhor meu namorado, se depois desta lição não me ofereceres lingerie tás fodido comigo...e não bebé não é daquela forma que tanto gostas.

    p.s: por favor não pensem que por só podia ser preta por escrever tantas ordinarices...é efeito de partilhar casa com essa lambisgóia!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu vou vender-vos aos dois na próxima feira do relógio. Ou na de Carcavelos. Ou no mercado de Benfica. É na que acontecer primeiro. Hereges.

      Eliminar
    2. quem fala assim é Preta!!!!!!
      Very proud!
      Snail, não os vendas!! Eu fico com eles!! Nunca ninguém me comprou apara tetas!

      PS: o bolo é de quê????? cof cof cof....

      Eliminar
    3. Ah e eu sou do Porto, antes que pensem que isto foi uma ofensa. Ufa.

      Eliminar
    4. Oh FP, vou já mandá-los num embrulho muito lindo, com lacinho e tudo e com uma fatia de bolo (limão e tangerina) lá dentro!

      Podia, Arisca, podia... mas é de Odivelas.

      Eliminar
    5. Já agora manda só se souberem conduzir!! Não é preciso ter a carta. Só conduzir!!! É que também me dá jeito ter um motorista e uma motorista!!!

      I'm a ladyyyyyy ;)

      Eliminar
  9. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  10. "Hoje podem pernoitar aqui no palacete, no quarto dos fundos, claro."

    ... mas é uma diva-super-estrela com muita generosidade!!! :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O próximo passo é uma acção de caridade (campanha humanitária é mais bonito, né?) num país qualquer perdido em África ou na Índia, com a respectiva reportagem fotográfica feita pela Caras ou pela Lux.

      Eliminar